Rentabilidade e lucratividade: quais as diferenças e como calcular?



Você sabe quais são as principais diferenças entre rentabilidade e lucratividade? Esses conceitos, em uma análise inicial, podem ser parecidos, mas apresentam algumas diferenças entre si. Se você tem dúvidas sobre como calculá-los, acompanhe esta leitura.

Seja para a administração das finanças do seu negócio, seja para o seu planejamento financeiro pessoal, é muito importante conhecer detalhadamente as particularidades de cada um desses conceitos. Isso ajudará a verificar o custo-benefício das suas ações.

Quer saber mais sobre esse tema? Neste post, explicamos o que é a rentabilidade e o que é a lucratividade, abordamos as principais diferenças entre elas, suas importâncias e como você pode calculá-las. Confira!

O que é a rentabilidade?

A rentabilidade se trata de um índice que avalia o retorno sobre algum investimento. Pode-se calcular a rentabilidade de um produto, de um serviço ou mesmo de uma organização. É por meio desse indicador é possível verificar a eficiência da gestão de um negócio e o desempenho de uma determinada empresa em determinado período.

É importante destacar ainda que vender muito nem sempre significa obter alta rentabilidade. Um exemplo disso acontece quando você revende um produto por um preço inferior em relação ao preço de compra. Nesse caso, há a tendência de vender bastante, porém, você não terá uma alta rentabilidade.

Essa lógica também vale para o mundo dos investimentos. Quando se vende um ativo pelo preço inferior ao preço de compra obtém-se prejuízo, ou seja, perde-se dinheiro. Essa prática é bastante comum em investimentos de renda variável. Muitos investidores compram ações na bolsa quando elas estão em alta e vendem na baixa. Com isso, eles ficam no prejuízo. Por isso, é muito importante estar atento em relação a esse assunto. 

O que é a lucratividade?

A lucratividade, por sua vez, está diretamente relacionada ao lucro alcançado por um negócio. Para chegarmos ao valor do lucro de uma empresa, é necessário calcular as receitas, subtraindo desse valor as despesas e as deduções da receita bruta (devoluções de mercadorias, impostos e abatimentos) no mesmo período.

A lucratividade determina a porcentagem de ganho em cada produto comercializado. Por esse motivo, trata-se de uma métrica muito importante nas empresas. Por meio desse índice, as organizações conseguem determinar o valor final de cada mercadoria e alcançar bons lucros no final de cada mês.

Diante dessas características, considerar o conceito de lucratividade é essencial para uma gestão financeira de sucesso, independentemente do setor no qual a empresa atua ou o seu porte. Esse indicador possibilita que os negócios mantenham as suas atividades, façam novos investimentos e, assim, ganhem espaço no mercado.

Quais são as diferenças entre rentabilidade e lucratividade?

Agora que você sabe o que é rentabilidade e lucratividade, pode perceber que são conceitos parecidos e que podem ser confundidos em uma análise inicial. No entanto, apresentam finalidades diferentes, pois consideram aspectos distintos ao serem calculados.

A lucratividade se refere à porcentagem do lucro líquido obtido pela empresa (gerado por meio da obtenção das receitas, menos as despesas e as deduções de receitas — impostos, abatimentos e abatimentos).

Por outro lado, a rentabilidade faz referência à análise do retorno sobre investimento. Por meio dela, é possível verificar o custo-benefício em relação a um determinado investimento e o ganho obtido sobre ele.

Como calcular a rentabilidade?

Não há muito segredo. O cálculo da rentabilidade é feito a partir de uma fórmula simples. Basta aplicar a seguinte regra matemática:

Rentabilidade = Lucro líquido x 100/ Investimento

Vamos a um exemplo prático para deixar o conceito e o cálculo mais claros. Suponhamos que você tenha investido R$ 1.000,00 na compra de um ativo. Depois de 12 meses, você decidiu vendê-lo por R$ 1.300,00. Qual foi a sua rentabilidade no período?

Em primeiro lugar, é necessário saber qual foi o lucro líquido. Para isso, basta pegar as receitas e subtrair as despesas. No exemplo acima, chegaremos a conclusão de que o lucro líquido foi de R$ 300,00 (R$ 1.300,00 – R$ 1.000,00). 

Na sequência, multiplicamos 300 por 100. Com isso, chegaremos a 30.000. Em seguida, basta dividir esse número por 1.000 para chegarmos ao valor da rentabilidade. Após fazer a divisão, vemos que a rentabilidade anual desse ativo foi de 30%.

Como calcular a lucratividade?

Diferentemente da rentabilidade, a lucratividade se refere ao lucro que uma empresa alcança com a venda dos seus produtos. Para fazer o cálculo desse indicador, também não há muito segredo. Basta seguir a seguinte fórmula matemática:

Lucratividade = Lucro Líquido x 100/ Receita total obtida

Antes de demonstrar um exemplo de como deve ser feito o cálculo, é importante destacar que a receita total faz referência à receita bruta, ou seja, o valor que a empresa recebe pelas vendas sem os descontos.

Vamos a um exemplo para demonstrar esse conceito e deixar o cálculo mais claro. Imagine que a lucratividade do seu negócio seja de 20%. Dessa forma, a cada R$ 2.000,00 que o seu empreendimento vender, sobrarão R$ 400,00 (R$ 2.000,00 x 20%) em forma de lucro para a sua empresa, com todos os descontos já subtraídos.

Qual é a importância da rentabilidade e lucratividade?

A confusão entre esses conceitos pode fazer com que a empresa aparente problemas que não tenha ou resultados que não sejam reais. A avaliação correta desses indicadores permite que você possa tomar decisões com base em números e evidências sobre o real desempenho da sua empresa.

Os dois conceitos devem ser avaliados de forma conjunta. Dessa forma, você passará a ter um panorama mais preciso do seu negócio e poderá avaliar margens de lucro e de retorno em determinado período.

Portanto, rentabilidade e lucratividade são cálculos muito importantes para investir no mercado financeiro e controlar as finanças da empresa. Como vimos, ambos ajudam a determinar o preço dos produtos e a verificar se determinada empresa apresenta lucros ou não. Quem está atento a esses indicadores consegue garantir o crescimento sustentável do seu negócio.

Gostou de saber as diferenças entre rentabilidade e lucratividade? Continue a visita ao nosso blog, agora para conhecer os principais indicadores de rentabilidade de um investimento.


Luana Dennis

Luana Dennis é analista de conteúdos da WeInvest. Como uma grande entusiasta das transformações que a educação financeira e o investimento inteligente e estratégico podem trazer na vida das pessoas ela visa sempre acompanhar de perto o mercado financeiro para produzir conteúdos de alto padrão.


Posts populares: