fbpx Roe Roi Roa: entenda o que significam nos seus investimentos

Entenda o que ROE, ROI e ROA significam nos seus investimentos

roe roi roa

Gráficos, fundamentos e indicadores de retorno, lucro, porcentagens e fluxo de caixa são alguns dos fatores que ajudam a analisar ativos. Existem diversos indicadores de investimentos para que você possa analisar seu desempenho, seu risco e sua rentabilidade. Com as diversas maneiras de se qualificar estes ativos, pode ser que o investidor fique confuso. Além disso, é preciso analisar o desempenho dos ativos constantemente, para que seja possível saber se eles estão trazendo a rentabilidade desejada. Por isso, vamos explicar hoje três diferentes tipos de indicadores: ROE, ROI e ROA.

O que são estes indicadores? O que possuem em comum?

ROE, ROI e ROA são indicadores de retornos. Desta forma, eles analisam a rentabilidade daquele ativo, podendo ser utilizados para melhor compreender a administração daquela empresa. Apesar das siglas parecidas, os três são bem diferentes entre si. Por isso, separamos este post em seções para sua melhor compreensão.

ROE

O ROE, ou retorno sobre o patrimônio líquido (do inglês Return on Equity), é um indicador de retorno que analisa os investimentos realizados por determinada empresa e, a partir dele, é possível saber se a empresa está alocando os recursos da melhor maneira possível para gerar valor e lucro.

A partir dele, você consegue determinar o lucro líquido de determinado investimento feito pela empresa. Por isso, é um indicador tão importante de ser analisado antes de você fazer seus investimentos. Ele permite que você tenha uma visão mais concreta acerca do crescimento da empresa, pois quanto maior o ROE da empresa, maior a chance de valorização de seus ativos. Mas atenção, investidor: O ROE trata de recursos liquidados. Essa diferença é primordial em relação aos outros indicadores de retorno.

Para calcular o ROE, você deve fazer uma divisão entre o lucro líquido e o patrimônio líquido de determinado ano. Isto porque permite saber qual o potencial de retorno sobre os recursos produtivos daquela empresa. Assim, você consegue chegar facilmente ao número. Mas atenção: não recomendamos compra de ações analisando isoladamente o ROE de uma companhia. É preciso analisar em conjunto com outros fatores para ter uma visão mais consistente do valor da empresa dentro do mercado.

ROE = Lucro líquido / Patrimônio líquido

ROI

O ROI, ou Retorno sobre o Investimento (return over investment), é de extrema importância para a empresa calcular seu retorno em cima de insumos como computadores e máquinas, por exemplo. É, portanto, um cálculo essencial para compreender quando uma empresa faz bons investimentos para crescer dentro do seu setor.

Para calcular o ROI, você deve subtrair a receita líquida que o novo investimento irá gerar pelo custo de aquisição, e, em seguida, dividi-lo novamente pelo custo de aquisição, chegando no retorno que você terá naquele investimento.

ROI = (Receita – Custo) / Custo . 100

O ROI é, portanto, uma maneira de se averiguar o custo-benefício de determinado investimento dentro da empresa, calculando seu possível retorno. Isto porque avalia a proporcionalidade entre o custo e o lucro de determinado investimento para a empresa.

ROA

O ROA, ou Retorno sobre os ativos (return over assets), identifica a capacidade que a empresa tem de gerar lucros a partir de seus ativos. O ROA, portanto, fala sobre a capacidade de uma empresa de gerar valor a partir dos recursos que ela detém, alocando seus recursos com eficiência para gerar crescimento. De forma geral, o ROA permitirá saber os ganhos a partir do capital investido por parte dos acionistas.

Uma empresa pequena com um alto ROA, por exemplo, pode apresentar um crescimento significativo no futuro, pela boa alocação de seus recursos, aumentando o retorno para seus acionistas.

ROA = Lucro Operacional / Ativo total médio

 

Você pode se aprofundar mais nos seus estudos sobre mercado financeiro lendo nossa publicação sobre fundos de investimentos. Não se esqueça de nos seguir nas nossas redes sociais!


Clara Sodré

Graduanda em Relações Internacionais com especialização em mercados financeiros, copywriting e comércio exterior. Pesquisadora voluntária em cooperação internacional europeia. Monitora no núcleo de Economia Política Internacional. Apaixonada por educação financeira e produção de conteúdo.


Posts populares: