, Planejamento financeiro: saiba por que ele é importante para quem quer investir! ,

Planejamento financeiro: saiba por que ele é importante para quem quer investir!

planejamento financeiro

Se você pensa em investir e tem consumido diferentes conteúdos sobre investimentos, com certeza já escutou sobre perfis de investidor, operação de risco, Tesouro Direto, CDB, LCI, LCA e assim por diante. Pois saiba que, antes de descobrir se o seu perfil é arrojado ou conservador, você tem uma tarefa imprescindível a fazer: organizar seu planejamento financeiro.

Certamente começar a investir é pensar em ações futuras, mas de nada adianta fazer um aporte financeiro pensando na aposentadoria ou em algum plano a longo prazo se isso for comprometer a saúde da sua vida financeira no dia a dia. Se você quer investir com segurança, mas não sabe como fazer um planejamento financeiro que garanta essa sustentabilidade e uma vida tranquila, fique calmo. Continue comigo que, neste artigo, vou mostrar ótimas dicas sobre esse planejamento, explicar o que é e o passo a passo para elaborar um que seja eficaz e o porquê de fazer isso!

O QUE É PLANEJAMENTO FINANCEIRO?

Planejar é definir uma série de ações e passos que farão com que você atinja o objetivo que pretende alcançar. O planejamento financeiro segue basicamente essa mesma premissa: organizar sua vida financeira atual e as etapas a cumprir para que esteja na situação em que pretende estar em um futuro breve.

Mas entenda que cuidar das finanças não é apenas saber de onde vem o dinheiro e para onde ele vai. Gastar menos do que recebe não é planejamento, é obrigação para ter uma vida financeira saudável. Ter um planejamento financeiro vai além disso. Planejar pressupõe uma estratégia para aplicação dos recursos levando em consideração o perfil e os planos de cada um. Isso pode parecer simples, mas não é assim tão fácil. A falta de educação financeira é um problema real do nosso país. Não temos na formação escolar básica nenhuma abordagem sobre a vida financeira. Alguns projetos sobre empreendedorismo que falam rapidamente sobre educação financeira têm sido desenvolvidos em escolas, tanto públicas quanto privadas. Entretanto ainda são programas isolados e embrionários. Por isso, é tão importante buscar informações sobre educação financeira com especialistas.

O planejamento financeiro será a proteção do seu futuro e a garantia da aplicação correta dos recursos. Você verá que com uma vida organizada e com o entendimento de como utilizar a verba que tem disponível da melhor forma, o dinheiro renderá muito mais do que quando não se controla os gastos.

Planejamento financeiro pessoal

QUAIS AS PRINCIPAIS VANTAGENS DESSA PRÁTICA?

Estabelecer objetivos é definir prioridades. Quando se tem claro aonde se quer chegar, todos os passos que são dados culminam para o mesmo rumo. Conseguir superar cada etapa estipulada fará com que você entenda que é possível ter disciplina e tomar as rédeas da sua vida. Controlar as finanças é entender que os recursos são finitos, mas que, se bem aplicados, permitirão que a qualidade de vida seja a melhor possível. Com a consciência das metas traçadas, as escolhas a partir disso virão ao encontro dos princípios estabelecidos. Com a clareza e a compreensão da situação real você pode estabelecer a situação ideal e trabalhar para chegar a ela. Os sonhos alimentam as nossas vidas, mas sem o alinhamento das ações eles serão sempre sonhos.Entretanto com um bom planejamento financeiro eles se tornarão realidade.

INCENTIVE A EDUCAÇÃO FINANCEIRA

Envolver a família nessa prática é fundamental. Cada um tem suas vontades, mas também precisa ter suas responsabilidades e colaborar com as finanças da casa. Acima de tudo, quando se compartilham as atribuições, todos colaboram para o mesmo ideal e crescem juntos. Conversar com os filhos é importante para atenuar essa lacuna que comentei da formação em educação financeira.

Assim, eles crescerão antenados com o assunto e serão adultos mais preparados para gerir uma casa, um negócio próprio e, por que não, uma grande companhia. Além disso, você sentirá também os desdobramentos mais abstratos, que não se medem em números, mas nem por isso são menos importantes. O sentimento de conquista e a sensação de estar no controle terão reflexo também na autoestima. A confiança afetará o seu humor e as suas atitudes em relação aos outros e aos fatos.

Isso impacta diretamente as relações com amigos e familiares. Com a vida financeira organizada, você terá tempo e dinheiro para encontrar os amigos para um happy hour, levar sua família ao cinema, a um bom restaurante e tantas outras coisas que você não vinha se dando o luxo de fazer. E o melhor: sem estourar o orçamento! Educação financeira

COMO FAZER UM PLANEJAMENTO FINANCEIRO EFICAZ?

O primeiro passo para ter um bom planejamento financeiro é fazer um diagnóstico completo das suas finanças. Em síntese, saiba quanto você recebe de salário, quais os rendimentos que tem, previsão de recursos extraordinários, quais os custos fixos e variáveis da sua vida e quais as dívidas com as quais você se comprometeu ou terá que se comprometer nos próximos meses, por exemplo, um seguro de carro que precisará ser renovado. Leve em conta também seu patrimônio. Imóveis, bens e veículos e se eles possuem algum ônus, como a prestação do financiamento. Imediatamente, não deixe de registrar tudo isso.

Colete os dados e coloque no papel. Uma ótima pedida é montar uma planilha no Excel para alimentar diariamente e acompanhar a evolução mensal da sua vida financeira.  Evite registros genéricos como “outros” ou “compras”. Especifique exatamente para onde está indo o seu dinheiro. Em seguida, com sua vida financeira mapeada, é hora de estabelecer as metas a curto, médio e longo prazos. Tendo objetivos claros, você consegue fazer projeções do que é preciso fazer para alcançá-los.

DEFINA METAS QUE PODEM SER ALCANÇADAS

Ter metas pequenas e mais acessíveis é tão importante quanto os grandes objetivos no planejamento. Você pode estipular que em 5 anos terá poupado R$ 100 mil para dar entrada num imóvel. Ter essa visão é ótimo. Mas também coloque a compra de um tênis de R$250 à vista em dois meses como meta, por exemplo. Quando você executa as etapas menores, isso demonstra que está no caminho certo e dá o gás que você precisa para se manter firme nos maiores propósitos.

Definir um valor e um prazo é ter um objetivo financeiro e alcançar esse objetivo é o que motivará suas atitudes e manterá sua disciplina. Uma vez definido o que você quer para o futuro, concentre-se no seu presente. Veja como fazer o seu dinheiro render. Por isso, analise os planos que tem de telefonia e de televisão a cabo e veja se ainda são os mais vantajosos, compare os preços de produtos antes de comprá-los e adquira apenas o que é realmente essencial. Metas planejamento financeiro

SE PERMITA, MAS COM SABEDORIA

Um ou outro luxo de vez em quando é permitido, mas vá ao mercado com a lista de compras e seja fiel a ela. Você pode pensar: “ah, mas são só R$ 50 a mais na compra”, mas se você for ao mercado três vezes na semana, já são R$ 150. Ao final do mês foram R$ 600 que poderiam ter sido mais bem aproveitados! Com um controle melhor das finanças, naturalmente você terá um aumento no poder de compra.

Isso permitirá que você negocie com vendedores com uma margem maior. Ter dinheiro para honrar o pagamento à vista pode render um bom desconto, por exemplo. Com a vida organizada, você começará a gastar menos, daí, é hora de aprender a poupar. Antes de mais nada estipule uma parcela mínima do seu orçamento como poupança e tenha isso como obrigação. Com um dinheiro reservado todo mês para essa finalidade, em breve sua condição melhorará e chegará o momento que você tanto espera: a hora de investir.

QUAIS SÃO OS PRINCIPAIS ERROS DE QUEM FAZ UM PLANEJAMENTO FINANCEIRO?

Você assumiu o controle das suas finanças, está executando o planejamento financeiro à risca e começou a colher os frutos dessa prática. Nesse momento, a situação começa a melhorar e é comum acontecerem alguns deslizes. Quando os resultados começam a aparecer, é a hora de colocar a disciplina à prova. Confira erros que podem e devem ser evitados!

SE DEIXAR LEVAR PELOS BONS VENTOS

Tenho o pé no chão e se mantenha firme no seu planejamento. A sua capacidade de endividamento aumentará e nessa hora os benefícios do cartão de crédito aparecerão. Cuidado! Cartões de crédito, se bem utilizados, são uma mão na roda. Porém, se você passar do ponto, os juros do cartão vão comprometer o planejamento. Então, utilize-o com equilíbrio e sabedoria.

MENOSPREZAR AS DESPESAS DIÁRIAS 

Não são só os grandes valores que impactam o orçamento. O dinheiro de todo dia pode ter um reflexo corrosivo imenso se não for bem administrado. O padrão de consumo das famílias precisa estar alinhado ao planejamento financeiro e isso inclui as despesas rotineiras.

NÃO TER UMA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Nunca se deve comprometer 100% do orçamento. Problemas acontecem. Desde uma despesa com o carro que quebrou até o custo com remédio por conta do adoecimento de um familiar. Você precisa ter uma folga para atender às eventualidades.

NÃO COLOCAR O INVESTIMENTO COMO UMA PRIORIDADE

Se no seu planejamento 10% das receitas estão previstas para serem revertidas em investimentos, então, não deixe de fazer isso. Não espere para ver se “sobra uma grana” para investir ao final do mês. Se atenha ao que determinou e faça o aporte financeiro nas suas aplicações assim que o dinheiro entrar na conta.

NÃO BUSCAR AJUDA

Se você tem a possibilidade de ter uma consultoria com profissionais experientes, aproveite a oportunidade. Você também pode conversar com um amigo que está com a vida financeira em dia pedir dicas. A troca de experiências sempre é enriquecedora. Ao passo que conhecer diferentes práticas e formas de fazer a gestão da vida financeira trará domínio do assunto, isso fará com que você tenha mais segurança na hora de implementar a sua metodologia de gestão.

MUDAR COMPLETAMENTE O PADRÃO DE VIDA

Quando as coisas melhoram, é normal que o leque de interesses aumente. Aquela viagem que você nem pensava em fazer para a Europa começa a se tornar uma possibilidade, o restaurante de alto padrão a que foi uma única vez fica acessível, a casa onde mora já não é no condomínio que queria e assim por diante. Está tudo bem em querer evoluir, mas tome o cuidado para não apressar demais as coisas e comprometer todo o seu esforço prematuramente.

ABDICAR DO PLANEJAMENTO FINANCEIRO

Abandonar a estratégia do planejamento financeiro colocará todas as conquistas que você já teve por água abaixo. Você tem um percurso definido e, se tropeçar, saiba voltar para o caminho e se equilibrar o quanto antes. Não desista no meio do trajeto. Saber lidar com os tropeços, que acontecem em todos aspectos da vida, faz parte do planejamento. Erros ao fazer um planejamento financeiro

QUAL A IMPORTÂNCIA DO PLANEJAMENTO FINANCEIRO PARA QUEM QUER INVESTIR?

Todas essas informações que trouxemos incluem um objetivo em comum para quem está lendo este texto: começar a investir. Ter um planejamento financeiro é o primeiro passo para quem quer ampliar o rendimento e se tornar um investidor. Existem pessoas com maior poder financeiro e outras com menor poder aquisitivo, mas os investimentos são os mais diversificados possíveis e estão disponíveis para todas as classes sociais, basta se planejar para que isso aconteça.

Ter um planejamento financeiro permite que você conheça profundamente quais são seus recursos e, a partir disso, saiba o quanto você possui e o quanto está disposto a investir. É importante priorizar a qualidade de vida e investir é uma forma de melhorar as oportunidades futuras. Sem o conhecimento da sua realidade, você não conseguirá ter um comportamento constante e bem estruturado como investidor. Todavia colocar seu dinheiro de forma aventureira e isolada em um investimento qualquer não é investir, é brincar de ser investidor.

LEVE O PLANEJAMENTO FINANCEIRO A SÉRIO

O planejamento financeiro é a base para se tornar um investidor de sucesso. Com a segurança que o controle das finanças trará, você poderá começar a investir em operações de baixo risco e conhecer por dentro como funciona o mercado de investimentos. A partir disso, busque conhecimento. Aprenda cada vez mais sobre educação financeira e também sobre opções de investimento. O aprendizado é passo a passo. A cada degrau que você subir, terá mais conhecimento e mais certeza de onde vêm os lucros e em que deve capitalizar seus investimentos. Existem ótimos portais que tratam do assunto e têm conteúdo de qualidade gratuito à disposição.

Viu como adotar um planejamento financeiro fará toda a diferença? Se dedique a entender sempre mais e não se esqueça de revisitar suas metas mensalmente e verificar o andamento dos seus projetos pessoais ou de ser realista na hora de traçar os seus objetivos. Propósitos completamente dissociados do possível serão inalcançáveis e trarão frustrações.

Com as dicas e tendo disciplina você tem todas as ferramentas para transformar suas finanças e, em pouco tempo, estará pronto para se tornar um grande investidor! Se quer se aprofundar um pouco mais sobre o assunto, reunimos um tira dúvidas bem legal sobre como investir! É só clicar e boa leitura!

 

Aproveite para ver outros textos do nosso site

  Melhores investimentos para 2020

  Como apurar o imposto de renda dos fundos imobiliários

  Fundos imobiliários ou imóveis, qual é melhor?

  Rating de classificação do bancos brasileiros

  Como comparar um CDB com LCI E LCA?

 

Sumário
PLANEJAMENTO FINANCEIRO: SAIBA PORQUE ELE É IMPORTANTE PARA QUEM QUER INVESTIR!
Nome do artigo
PLANEJAMENTO FINANCEIRO: SAIBA PORQUE ELE É IMPORTANTE PARA QUEM QUER INVESTIR!
Descrição
Ter um bom planejamento financeiro é saber organizar sua vida financeira atual e as etapas a cumprir para que esteja na situação em que pretende estar em um futuro breve.
Autor
Nome do publicador
WeInvest
Logo do publicador


Luana Dennis

Luana Dennis é analista de conteúdos da WeInvest. Como uma grande entusiasta das transformações que a educação financeira e o investimento inteligente e estratégico podem trazer na vida das pessoas ela visa sempre acompanhar de perto o mercado financeiro para produzir conteúdos de alto padrão.


E ai, o que achou? Deixe o seu comentário!

Posts populares: